Reflexões

Um MÉTODO para CRIAR qualquer coisa que VALE A PENA

Entendo que a criação de qualquer coisa que vale a pena, para não produto da sorte ou acaso, depende de método. Esperança ingênua não é uma boa estratégia. O esforço criativo, consistente, carece de método e aqui compartilho o que tenho observado que há de comum na criação de tudo que vale a pena.
Elemar Júnior
|
15/01/2023

Para aumentar as chances de viver uma vida que vale a pena, precisamos exercer protagonismo. Podemos apenas reagir ao mundo que recebemos ou fazer um esforço consciente para criar nosso mundo habitável. A segunda opção me parece infinitamente melhor que a primeira.

Criar algo não é tarefa fácil. Pode até ocorrer ao acaso, mas, em minha experiência, parece ser sempre resultado da aplicação disciplinada de um método que, salvo variações, parece ter sempre as mesmas etapas.

O PRIMEIRO PASSO parece ser a definição de princípios e valores. São os fundamentos para que possamos determinar critérios que vão balizar nossas escolhas. A base para diferenciar o que aceitamos e desejamos daquilo que não queremos ou toleramos. Sem definição consistente de quais são os princípios e valores que nos orientam (ou definem), é impossível determinar uma estratégia. Pense bem, o que é “negociável” para você?

Determinados critérios, o SEGUNDO PASSO é estabelecer o objetivo – onde se quer chegar, o que se deseja criar. É aqui, aliás, que vem a necessidade de vivenciar a Fé. Praticar a Fé consiste de chamar para a existência coisas que ainda não existem como se já existissem. A prática da Fé é, no meu entender, a chave de criação. Afinal, qualquer coisa que criamos, criamos primeiro na nossa cabeça.

A Fé, entretanto, sem ações é morta. O TERCEIRO PASSO, uma vez determinados critérios e objetivos, é estabelecer luz. Na prática, conhecer mais sobre onde se quer ir. Diferenciar o que funciona e o que não funciona, o que ajuda e o que atrapalha, quem pode apoiar e quem não pode continuar conosco. Colocar “luz” é a essência para ver as coisas como são.

Boa parte dos problemas persistem na vida das pessoas porque elas se recusam, por medo ou ignorância, a colocar “luz” sobre eles. Não tendo luz, não percebem que têm  problemas e aí se complicam sem saber ao certo nem o porquê.

Com bons critérios, objetivos, conhecimento, o QUARTO PASSO  é buscar criar estrutura para formar estabilidade. Apenas tolos construiriam uma casa na areia, sem antes trabalhar as fundações. Para que possamos criar qualquer coisa que vale a pena, por isso, precisamos trabalhar fundamentos – financeiros, metodológicos e emocionais.  Boa parte das iniciativas não chegam às “acabativas” pela ansiedade apressada das pessoas de “sair fazendo” sem a devida preparação.

Definidos critérios, objetivos, conhecimento e estrutura, o QUINTO PASSO é estabelecer governo e direção. É importante entender que os resultados são construídos na execução, no dia-a-dia, pela gestão disciplinada da rotina. É necessário manter coerência, consistência e congruência, tanto para quando as coisas estão dando certo – na resolução de problemas bons – como para quando as coisas não estão bem – quando precisamos lidar com problemas ruins.

Finalmente, é importante lembrar que, no final do dia, nossos resultados não dependem apenas de nós. Não vivemos em ilhas e não somos “ilhas”. Não operamos no isolamento. O SEXTO PASSO consiste no estabelecimento dos relacionamentos certos. Nossa Fé precisa ser compatível com o que há em nosso entorno, logo, com as relações que estabelecemos. É nas relações que adicionamos e nossas fórmulas aquilo que nos falta. Sem relacionamentos, de muitas formas, nenhum de nós é completo.

São apenas SEIS PASSOS PRÁTICOS – o SÉTIMO PASSO, é entender que para “aguentar” precisamos também de descanso.

Como disse, esse “método” parece ser fácil de observar na criação de quase tudo que vale a pena. Aliás, ele foi o método que, segundo Gênesis 1, Papai do Céu utilizou para criar o mundo – sem dúvidas, um empreendimento que vale a pena. Aliás, fica aqui minha recomendação de leitura.

Em tempo, essa reflexão é uma transcrição de algo que compartilhei no meu Instagram na virada do ano e consolidei em um vídeo que está no meu canal do YouTube.

Compartilhe este conteúdo: 

Comentários

Participe deixando seu comentário sobre este artigo a seguir:

Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Alexandre
Alexandre
1 ano atrás

excelente Elemar
obrigado por tais ensinamentos

ricardo
ricardo
1 ano atrás

Muito Bom!!!
Obrigado por compartilhar!

Marcos Lancy
Marcos Lancy
1 ano atrás

6 minutos de vídeo. 2 horas refletindo. Pois é!

3
0
Quero saber a sua opinião, deixe seu comentáriox
()
x

TRABALHE COMIGO

Sempre tem espaço para gente boa nos projetos em que estou envolvido, então, vai ser um prazer contar com você!

Me fale um pouco sobre a sua trajetória e me deixe saber o que você está buscando. Quero saber também como trabalhar comigo pode fazer diferença para você e como você acha que pode fazer diferença para mim.


DADOS PESSOAIS

SOBRE VOCÊ